SSP apresenta quadrilha envolvida em diversos assaltos no interior do estado

Integrantes da quadrilha de assaltantes que foram apresentados pela SSP
Investigações realizadas por equipes da Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), Superintendência Estadual de Investigação Criminal (Seic), com apoio ainda da Delegacia Regional de Santa Inês, culminou na prisão de sete pessoas envolvidas no assalto à distribuidora Schincariol, ocorrido na manhã do último domingo (23), no Povoado Santo Antônio, em Santa Inês. O bando foi apresentado, durante coletiva de imprensa, pelo secretário de Segurança Pública, Aluísio Mendes, na sede da SSP, na tarde desta quinta-feira, (27).


Secretário Aluísio Mendes e demais integrantes do Sistema de Segurança apresentam a quadrilha

Estiveram presentes também, o secretário adjunto de Inteligência e Assuntos Estratégicos da SSP, Laércio Costa; a delegada geral da Polícia Civil, Maria Cristina de Meneses; o superintendente do Interior, Jair de Paiva Lima; e o delegado de Santa Inês, Walter Costa.


Cartões de crédito, celulares, armas e dinheiro que foram apreendidos com a quadrilha

Na ação policial que resultou na prisão da quadrilha, no povoado Encruzilhada, em Santa Inês, foi recuperada a quantia de R$ 32 mil, parte do dinheiro roubado da empresa de bebidas. Além do assalto à distribuidora, o bando é suspeito de vários outros assaltos e arrombamentos a caixas eletrônicos nas cidades de Vitorino Freire, Marajá do Sena, Olho D’Água das Cunhãs, Lagoa Grande e Santa Inês.


Foram detidos Antônio Vieira Braga, 28 anos, natural de Lago da Pedra, Jackeline Ribeiro de Sousa, 37 anos, natural de Santa Inês (MA); Arlene Pereira, 19 anos, natural de Santa Inês; Ronalton Silva Rabelo, vulgo Rony, 32 anos, também de Santa Inês; Alex Viana, 27 anos, de Lago da Pedra; e Fernando José Rodrigues da Fonseca, 47 anos, de Belém (PA). Uma sétima pessoa foi preservada da apresentação por conta de não ter documentação no momento da prisão, não confirmando sua maioridade. Esta permaneceu detida na Delegacia Regional de Santa Inês.


De acordo com Aluísio Mendes, as investigações policiais sobre a atuação da quadrilha continuam, pois existem evidências de que há outras pessoas envolvidas em assaltos pelo interior, também integrantes do bando. O secretário lembrou que várias quadrilhas responsáveis por assaltos a caixas eletrônicos já foram desbaratadas nos últimos meses.


“Este tipo de crime praticamente deixou de existir na capital. Eventualmente, acontecem no interior e a polícia prontamente inicia as buscas para prender todos os envolvidos. Há quadrilhas presas no Maranhão que atuavam inclusive em outros estados, como Mato Grosso e Pará”, disse Mendes.

Apreensões

Com a quadrilha, a polícia civil conseguiu apreender, além da quantia mencionada, fruto de assalto, um rifle calibre 44; um revólver calibre 38; uma pistola calibre 45; um veículo Peugeot cor prata; uma motocicleta Titan vermelha de placa NNG 0527; um rifle winchester calibre 44; celulares e cartões de contas correntes roubados, como também grande quantidade de munição de vários calibres.


Os acusados foram encaminhados para o Centro de Triagem de Pedrinhas onde ficarão à disposição da Justiça.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pepe Moreno: e o cego com três filhos aleijados

Faça uma doação para o Brechó Solidário do Centro de Defesa Pe. Marcos Passerini

Expressões da violência no Maranhão serão debatidas em São Luis no Dia Internacional dos Direitos Humanos