Secretário Max Barros autoriza recuperação de estradas na Região Tocantina






O secretário de Estado de Infraestrutura, Max Barros, esteve, nos últimos dois dias, na Região Tocantina, onde vistoriou obras e deu ordens de serviços para a continuidade do Programa Viva Infraestrutura - plano do Governo do Estado que já pavimentou e reconstruiu mais de 2 mil quilômetros de estradas em todo Maranhão.

Em Imperatriz, o secretário vistoriou as obras de duplicação da Avenida Pedro Neiva de Santana - até a cidade de João Lisboa. Ele ressaltou que houve atrasos na obra devido a questões burocráticas, mas garantiu que a Sinfra já estabeleceu prazo final para a entrega dos serviços.

“Vimos aqui, pessoalmente, para dar garantia ao povo de Imperatriz de que essa obra é uma prioridade para o Governo do Estado. O prazo final que demos à empresa para concluir a obra é dezembro deste ano”, afirmou.

Durante a passagem pela cidade, o secretário lembrou da parceria entre a Prefeitura de Imperatriz e o governo. “O Governo do Estado já investiu mais de R$ 20 milhões em parcerias com a prefeitura, de forma a viabilizar obras de pavimentação urbana em todo o município e os reflexos disso já são vistos hoje”, pontuou.

Recuperação

Durante a passagem pela região, o secretário Max Barros ainda assinou ordens de serviço para reconstruções de três importantes estradas maranhenses. Já está autorizada a recuperação completa do trecho de 90 quilômetros da MA-006 entre Arame e o entroncamento com a BR-222, em Buriticupu, na qual serão investidos R$ 33 milhões. Além disso, já começarão, também, os serviços de recuperação do acesso ao município de Davinópolis, num total de oito quilômetros e custo total de R$ 2,8 milhões; e da MA-138, trecho entre o entroncamento com a BR-010 e o município de São João do Paraíso, com 42 km e custo orçado em R$ 10 milhões.

Segundo Max Barros, as obras são a continuação do Programa Viva Infraestrutura, que já possibilitou a pavimentação e recuperação de mais de dois mil quilômetros de estradas maranhenses nos últimos três anos.

"O Programa Viva Infraestrutura, lançado em 2009, segue em andamento e temos cumprido à risca todo o cronograma estabelecido há três anos. Com essas ordens de serviço, já superamos a marca dos dois mil quilômetros de estradas pavimentadas ou recuperadas em nosso estado desde que a governadora Roseana Sarney reassumiu o governo. É uma marca de destaque", completou.

Mais

No início da semana, o secretário Max Barros já havia autorizado a recuperação do trecho de 67 quilômetros da MA-106, entre Santa Helena e o entroncamento com a BR-316, no município de Governador Nunes Freire. A obra está orçada em R$ 8 milhões.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pepe Moreno: e o cego com três filhos aleijados

Expressões da violência no Maranhão serão debatidas em São Luis no Dia Internacional dos Direitos Humanos