Dupla de estelionatários é presa em Pinheiro

Dupla de estelionatários é presa em Pinheiro: "



do JORNAL O O QUARTO PODER



Na tarde da última terça-feira (30) um casal foi preso após realizar uma prática suspeita na cidade de Pinheiro, a 336 km de São Luís. Lourival Nunes da Silva, de 62 anos, natural de Teresina; e Maria da Cruz Pessoa do Nascimento, de 46 anos, natural de Timon, foram presos em flagrante por crime de estelionato.



O crime

O casal circulava pela cidade de Pinheiro em um carro com uma mensagem alegando que Maria da Cruz havia levado duas facadas do marido, passava muito mal e necessitava de um dreno, mas não tinha condições. Com essa desculpa, ambos arrecadavam dinheiro da população que se compadecia da situação e fazia doação.

Uma promotora da cidade ouviu a mensagem, suspeitou do fato e comunicou a delegada Laura Amélia, que ao tomar conhecimento enviou uma equipe policial que levasse o casal até a delegacia para esclarecer esse fato. No trajeto à delegacia a dupla tentou desviar a equipe policial para fugir, mas foi impedida.

A delegada Laura informou que Maria da Cruz chegou até a delegacia caminhando normalmente, sem qualquer aparência de doença ou que precisava de dreno. No carro que estava em posse do casal foi encontrada uma grande quantia em dinheiro trocado, de aproximadamente R$ 5 mil.

Em depoimento, eles disseram que são primos, e afirmaram a versão de que ela teria sido agredida pelo marido com uma facada nas costas e outra na cabeça. No entanto, a delegada notou que a cicatriz não é recente. “Ela estava fingindo, demonstrando dor, e de repente passou a andar normal. Na verdade, era uma farsa para se aproveitar da bondade da população”, comentou a delegada.

O casal foi preso e autuado em flagrante no artigo 171, por crime de estelionato. A delegada informou ainda que eles ficarão detidos na Regional de Pinheiro.

"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pepe Moreno: e o cego com três filhos aleijados

Expressões da violência no Maranhão serão debatidas em São Luis no Dia Internacional dos Direitos Humanos