Sedihc sediará lançamento de Cartilha Contra Intolerância Religiosa

Sedihc sediará lançamento de Cartilha Contra Intolerância Religiosa: "


do Portal da Cidadania


Com o objetivo de orientar vítimas de intolerância religiosa, o Fórum de Religiões de Matriz Africanas (Ferma), o Coletivo de Entidades Negras do Maranhão (CEN/MA) e a Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Cidadania (Sedihc) realizam o lançamento da Cartilha Contra Intolerância Religiosa. A solenidade será realizada no auditório da Sedihc , localizado na Av. Getúlio Vargas nº 2158, Monte Castelo, nesta segunda-feira, 27, a partir das 8h.


A Cartilha Contra Intolerância Religiosa é resultado de uma atividade que o CEN realizou em julho, e tem o intuito de dar visibilidade aos direitos e mecanismos de reação das populações de religiões de matriz africana. Segundo o coordenador estadual da entidade, Vodunsi Professor Neto de Azile, essa cartilha será trabalhada em todos os terreiros de São Luís.


“Esse lançamento abre as atividades da Caravana do Axé, iniciativa que vai trabalhar a capacitação das pessoas contra a intolerância religiosa, bem como informar ao povo do terreiro como ficar por dentro dos seus direitos”, explicou Azile.


Ele enfatizou também a participação do Estado, por meio da Sedihc, que vem apoiando o movimento afro-religioso. “Essa relação de apoio está estreitando os laços entre o Estado e os movimentos. Nesse caso a Secretaria inova ao abrir um espaço de ajudar através da sua assessoria jurídica. A gente se orgulha desse respeito que estamos recebendo do poder público”, destacou.


O secretário da Sedihc, Sergio Tamer, ressaltou o trabalho do CEN, que irá promover, além do lançamento da cartilha, uma mesa redonda relacionada a liberdade religiosa e a valorização cultural das práticas afro-brasileiras. “A Sedihc mostra que é a casa da diversidade cultural, étnica, política e religiosa, que é o espaço da democracia no seu mais elevado padrão”, conclui Tamer.


Além do Cen, Ferma e Sedihc, a solenidade contará com a participação de vários sacerdotes e sacerdotisas de Terreiros do Maranhão, além da Secretaria Extraordinária de Igualdade Racial do Estado.


A programação do evento terá as palestras “Direitos Fundamentais uma questão de cidadania” do secretário Sergio Tamer, “A Igualdade Racial e as Comunidades Tradicionais” da secretária de Igualdade Racial do Maranhão, Claudeth Ribeiro, e “Quem é de Axé diz que é, Sou da Mina com Orgulho” do Vodunsi Prof. Neto de Azile, além do lançamento das Cartilhas.

"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pepe Moreno: e o cego com três filhos aleijados

Faça uma doação para o Brechó Solidário do Centro de Defesa Pe. Marcos Passerini

Expressões da violência no Maranhão serão debatidas em São Luis no Dia Internacional dos Direitos Humanos