Acusado da morte de Padre Josimo é condenado a 19 anos

Acusado da morte de Padre Josimo é condenado a 19 anos: "




do Blogue do FREDERICO LUIZ



Por Josafá Ramalho


Especial para o Blogue do Frederico Luiz



Terminou às 18h, o julgamento do fazendeiro Osvaldino Teodoro da Silva, acusado de ser um dos mandantes do assassinato do padre Josimo Tavares, assassinado em 10 de maio de 1986. Veja ao lado, imagem do fazendeiro, no banco dos réus.



O fazendeiro Osvaldino havia sido julgado em março de 2004 e absolvido, mas a absolvição foi cancelada pelo Tribunal de Justiça do Maranhão. No novo julgamento ele voltou a negar participação no crime.



Osvaldino e mais oito pessoas foram acusadas de contratar o pistoleiro Geraldo Rodrigues da Costa para matar o padre.



Josimo Tavares foi morto quando chegava em uma reunião da Comissão Pastoral da Terra. Na época, o crime ganhou repercussão internacional, e 24 anos depois a igreja e vários organismos ainda lutam por justiça. O padre é considerado um dos mártires da luta pela reforma agrária, uma luta muito parecida com a luta de Chico Mendes,no Acre e de irmã Doroth Stang, no Pará.



O assassino do padre Josimo Tavares foi condenado em 1988, mas fugiu da prisão e nunca mais foi visto. Dos mandantes do crime, 4 foram condenados, um morreu antes de ser levado ao banco dos réus, e 2 ainda estão em liberdade.



Para o Ministério Público, Osvaldino foi quem planejou o crime e ajudou a pagar o pistoleiro, tese sustentada durante todo julgamento desta quarta-feira,15.



Os argumentos da defesa de que não haviam provas contra o fazendeiros não foram suficientes para convencer os jurados.



O julgamento que durou 10 horas foi acompanhado por lideres sindicais, religiosos e entidades de defesa dos direitos humanos. Durante todo tempo Osvaldino ficou de cabeça baixa e levantou-se apenas para ouvir a setença: Ele foi condenado a 16 anos e 06 meses de prisão a serem cumpridos na penitenciária de pedrinhas em São Luis, mas vai recorrer da setença em liberdade.

"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pepe Moreno: e o cego com três filhos aleijados

Faça uma doação para o Brechó Solidário do Centro de Defesa Pe. Marcos Passerini

Expressões da violência no Maranhão serão debatidas em São Luis no Dia Internacional dos Direitos Humanos