Coral maranhense canta hoje na Basílica de São Pedro no Vaticano

Coral maranhense canta hoje na Basílica de São Pedro no Vaticano: "


do BLOG: Maranhão Maravilha



Coral Maranhense Madrigal Santa Cecília


O coral maranhense Madrigal Santa Cecília apresenta-se hoje, às 16h, na Basílica de São Pedro, na cidade do Vaticano (Itália). O concerto faz parte da turnê internacional do grupo que iniciou no dia 7 e continuará amanhã.


Além dos cantos, o espetáculo do Madrigal Santa Cecília é composto por danças e coreografias. Para a apresentação, o grupo utilizou instrumentos musicais tipicamente brasileiros. O repertório e a encenação dos espetáculos foram organizados com base em cantos relacionados ao imaginário popular brasileiro. No roteiro musical estão “Roda Viva”, de Chico Buarque de Holanda; “Carinhoso”, de João de Barros e Pixinguinha; “De Teresina a São Luís”, de João do Valle; “Funiculì, funiculà”, de Luigi Denza; “Muié rendera”, do Folclore nordestino, “Boi da Lua”, do autor maranhense César Teixeira, “Foi boto, sinhá”, e “Cantos Nativos dos Índios Krahó”, do folclore amazonense.
Formado por ex-professores, ex-servidores da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), o coral, que é regido pelo italiano Giovanni Pelella, vai apresentar o espetáculo musical “Cantos do Brasil” e, além do Vaticano, passa pelas cidades de Roma, Florença, Milão, Villafranca, Cadidavid, Verona, Veneza, Santo Stefano d’Aveto, Gênova, Florença, Assis e Nemi, conhecida por ser uma cidade bela por castelos romanos.


Preparação – Foram dois anos de ensaios, estudos e pesquisas e três apresentações em São Luís. Uma forma de amadurecimento do grupo e do espetáculo. A cada apresentação novos elementos eram incorporados, movimentos aperfeiçoados e o sonho de realizar da turnê italiana revitalizado. Com direção cênica de Adriano Lopes e regência de Giovanni Pelella, o espetáculo tem um repertório bastante diversificado, que retrata a cidade de São Luís e o Maranhão; o nordeste árido maltratado pela seca; a Amazônia com seus problemas e suas imensas riquezas florestais e o Brasil clássico dos grandes compositores modernos, especialmente da bossa nova.


Segundo o coordenador do Projeto “Cantos do Brasil” e chefe da delegação, Mario Cella, o objetivo é divulgar a riqueza musical do Maranhão e do Brasil no exterior além de “proporcionar aos integrantes do Madrigal e ao público, elementos educativos para o crescimento de sua cidadania, dando ênfase a uma educação humanística integral e à igualdade social”, comenta. A turnê tem o apoio do Governo do Estado, da Prefeitura, Basa, Treviso Engenharia, Maggiorasca, Coca Cola e São Luís Convention V.B.


Mais


A Associação Cultural Madrigal Santa Cecília surgiu em 1996, organizada por um grupo de jovens que tinham participado do Coral Santo Antônio do Seminário Diocesano. Em 2001 alguns servidores da UFMA e pessoas da comunidade se reencontraram e decidiram criar o Madrigal Santa Cecília para retornar às raízes da música clássica e barroca, bem como pesquisar e apresentar a música popular e folclórica mais significativa da região Norte e Nordeste do Brasil
"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pepe Moreno: e o cego com três filhos aleijados

Faça uma doação para o Brechó Solidário do Centro de Defesa Pe. Marcos Passerini

Expressões da violência no Maranhão serão debatidas em São Luis no Dia Internacional dos Direitos Humanos