Presidente do PT: ‘Greve de fome é inconsequente’

Presidente do PT: ‘Greve de fome é inconsequente’: "

Do Terra:


Brasília – O presidente nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), José Eduardo Dutra, afirmou na noite desta quarta-feira (16) que, a despeito da greve de fome do deputado Domingos Dutra (PT-MA), que protesta contra a decisão dos petistas de apoiarem a reeleição da governadora Roseana Sarney (PMDB) no Maranhão, não existe a possibilidade de o PT rever a posição de aliança e dar aval à candidatura do deputado Flávio Dino (PCdoB-MA). Na avaliação do dirigente, o jejum de Dutra reflete uma “mobilização inconsequente do ponto de vista político”.


José Eduardo Dutra

José Eduardo Dutra


“Achamos esse tipo de mobilização inconsequente do ponto de vista político porque não havia qualquer possibilidade de reversão do fato (da aliança pró-Roseana). Sabíamos que eles (petistas contrários à família Sarney) iam questionar a coligação do ponto de vista judicial, mas para nós essa coligação é irreversível”, declarou o presidente petista.


Na noite desta quarta Manoel da Conceição, fundador do Partido dos Trabalhadores no Maranhão, suspendeu por 24 horas a greve de fome que fazia desde a última semana contra a decisão da cúpula petista de renegar apoio à candidatura de Flávio Dino ao governo maranhense e de apoiar o projeto de reeleição da governadora Roseana.


O deputado Domingos Dutra, que também participa do jejum contra a determinação petista de se apoiar a campanha da filha do presidente do Senado, continua em greve, mas abriu espaço para uma negociação e admite interromper o protesto caso a Justiça dê ganho de causa à decisão do PT de apoiar a família Sarney.

"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pepe Moreno: e o cego com três filhos aleijados

Expressões da violência no Maranhão serão debatidas em São Luis no Dia Internacional dos Direitos Humanos

Faça uma doação para o Brechó Solidário do Centro de Defesa Pe. Marcos Passerini