O drama de Flávio Dino


O pré-candidato do PC do B ao governo do Estado, deputado Flávio Dino, passa por um momento delicado da sua carreira política. A depender do desfecho do próximo encontro estadual do PT, Dino poderá enfrentar enormes turbulências.
Foram vários erros táticos e estratégicos cometidos pelo comunista desde que disputou a eleição para prefeito da capital, em 2008.
Flávio Dino imaginou que poderia se transforma numa espécie de “Lula” da esquerda maranhense e chegar ao governo do Estado quase ungido. Não é fácil entender como conseguiu perder o apoio de todos os petistas que estavam na coordenação da sua campanha em 2008.
Nem o seu leal “vice”, Rodrigo Comerciário, sobrou para contar história, ou melhor, até que conta algumas, mas todas desfavoráveis a Flávio Dino. O que dizer, por exemplo, de Anselmo Raposo, que andava meio sumido do “mundo petista”, mas que foi “resgatado” pelo próprio Flávio Dino e hoje é um dos maiores críticos da candidatura do comunista a governador?
Será que todos aqueles companheiros que caíram na “onda vermelha” durante a campanha de prefeito estão errados e somente Flávio é quem está certo? Não teria acontecido nada para que a grande maioria abandonasse o “projeto Flávio Dino” para cair no colo da governadora Roseana Sarney? Não teria faltando habilidade e humildade políticas ao deputado para manter os caras da CNB leais ao seu projeto?
Claro que eventuais erros de Flávio Dino não justificam reviravoltas no resultado do último encontro, isso é ruim para democracia interna do PT, sem falar no clima de beligerância que se pode criar no próximo encontro do dia 21 de maio – basta ver as promessas de “corpos espalhados pelo chão”.
Contudo, Flávio Dino pode estar pagando o preço por ter entrado de cabeça num projeto que poderia muito bem ter sido construído aglutinando o conjunto das forças oposicionistas. Mas, contrariamente, preferiu entrar dividindo a oposição ao se apresentar como a única e sagrada alternativa de renovação política do Maranhão. Deu no que deu…

Comentários

  1. Humildade eu não sei, mas com certeza falta experiência a Flávio.
    for

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentando os Fatos, uma nova forma de divulgar conteúdo com credibilidade.
Os nossos esforços se concentram no sentido de acrescentar ao nosso publico informações diferenciadas, aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado, noticias todos divulgam, o diferencial da informação está aqui em Comentando os fatos, credibilidade sempre em primeiro lugar.

Postagens mais visitadas deste blog

Pepe Moreno: e o cego com três filhos aleijados

Faça uma doação para o Brechó Solidário do Centro de Defesa Pe. Marcos Passerini

Expressões da violência no Maranhão serão debatidas em São Luis no Dia Internacional dos Direitos Humanos