Maranhão vai elaborar atlas eólico


Maranhão vai elaborar atlas eólico

Estado viu incremento de investimentos do setor elétrico. Térmicas e hidrelétricas estão previstas

Alexandre Canazio, da Agência CanalEnergia, de Miranda do Norte (MA)*, Planejamento e Expansão
20/05/2010
O estado do Maranhão vai contratar uma consultoria para elaborar o primeiro atlas eólico oficial de seu território. A informação foi dada pelo secretário de Estado de Indústria e Comércio, Maurício Macedo. Ele disse que o processo está em estágio inicial e tem previsão de dar os primeiros resultados no médio prazo. O atlas vai mostrar quais são as melhores áreas do estado para explorar esse potencial.
"Vamos preparar o estado para participar dos leilões do governo", afirmou o secretário nesta quinta-feira, 20 de maio, em Miranda do Norte (MA), após participar da inauguração de duas usinas térmicas a óleo da Gera Maranhão, com 330 MW. Com o mapa, o estado poderá desenvolver uma política de atração de investidores para desenvolver projetos.
O Maranhão tem crescido aos olhos dos investidores do setor de energia elétrica. A MPX, por exemplo, está construindo uma térmica a carvão em São Luís. A térmica MPX Itaqui (360 MW) deve ficar pronta até o fim de 2011. Além disso, está desenvolvendo o projeto de uma térmica a gás natural de 1.800 MW na Bacia do Parnaíba, no interior do estado, junto a campos de gás encontrados em consórcio com a OGX.
O estado está na expectativa também da licitação de cinco hidrelétricas do rio Parnaíba, na divisa com o Piauí, com 430 MW de capacidade instalada. A perspectiva do governo federal é licitá-las ainda este ano. As usinas ainda estão em processo de licenciamento ambiental.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pepe Moreno: e o cego com três filhos aleijados

Faça uma doação para o Brechó Solidário do Centro de Defesa Pe. Marcos Passerini

Expressões da violência no Maranhão serão debatidas em São Luis no Dia Internacional dos Direitos Humanos