CPI indicia 10 religiosos por pedofilia no Pará

CPI indicia 10 religiosos por pedofilia no Pará: "O relatório da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pedofilia no Pará, entregue em fevereiro deste ano, apontou que nos últimos cinco anos, ocorreram 100 mil casos de abuso sexual contra menores no Estado. Desse total, um dado surpreendente: 10 envolviam religiosos. “Entre padres e pastores tivemos 10 pessoas indiciadas por pedofilia. Alguns ainda estão sendo investigados e outros foram provados que cometeram o ato, mas infelizmente continuam exercendo suas atividades normalmente na igreja”, disse o deputado estadual e relator da CPI, Arnaldo Jordy.
O caso que o deputado se refere é do Padre George Genner Evangelista França, de 41 anos, responsável pela Paróquia de Fátima, no distrito de Icoaraci, acusado de ser autor de atos de abuso sexual contra adolescentes em festas na casa paroquial. Em setembro do ano passado, o padre foi chamado para prestar esclarecimentos sobre o crime, mas, negou seu envolvimento. “Nós o ouvimos e tivemos convicção da culpa dele. Pedimos o indiciamento e até hoje o processo está nas mãos do Ministério Público”, ressaltou Jordy.
O parlamentar disse, ainda, que o religioso continua trabalhando com a evangelização de crianças. “Fizemos a nossa parte. É uma pena que depois de tanto trabalho e investigação ele continue exercendo as mesmas atividades, tendo contato com as mesmas crianças que podem ter sido suas vítimas”.
Assim como o padre George da igreja católica, Jordy afirma que pastores evangélicos também foram denunciados em todo o Estado, entre as cidades onde os casos aconteceram com maior frequência estão os municípios de Itaituba e Santarém. “Percebemos que os religiosos se aproximam das crianças e dos adolescentes como amigos. Oferecem apoio, ouvem os seus problemas e, em seguida, abusam sexualmente deles”, finalizou o deputado.

Nota do editor: A CPI da Pedofilia deveria intensificar suas ações nos municípios localizados às margens das rodovias BR-163 e Transamazônica. Lá, iria verificar uma rede de pedofilia que envolve políticos e empresários.

"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pepe Moreno: e o cego com três filhos aleijados

Faça uma doação para o Brechó Solidário do Centro de Defesa Pe. Marcos Passerini

Expressões da violência no Maranhão serão debatidas em São Luis no Dia Internacional dos Direitos Humanos